domingo, 14 de janeiro de 2018

Grandes Vilões das Telas: Gustavo Fring

                Breaking Bad foi uma das séries de maior sucesso, tanto que gerou um spin-off, Better Call Saul, e este personagem faz parte destes dois sucessos de público e crítica. Para quem não sabe, Breaking Bad conta a história de Walter White, um professor de química que descobre estar com um câncer de pulmão em estágio avançado. Em busca de ganhar dinheiro rápido, pois ele acredita  que morrerá logo, ele se junta a um ex-aluno para produzir e vender metanfetamina. Mas depois de muitos percalços e perdas financeiras, Walter decide que precisa de uma grande distribuidor de seu produto, e eis que surge Gustavo Fring.
               Gustavo "Gus" Fring (em uma brilhante interpretação de Giancarlo Esposito) é um homem acima de qualquer suspeita. Ele é um respeitável membro da comunidade, um batalhador. Nascido no Chile, ele emigrou para o México durante a ditadura de Pinochet, nos anos 80. Lá começou juntamente com um amigo de longa data, Max Arciniega, um restaurante: Los Pollos Hermanos. Quando seu amigo é assassinado pelo cartel (descobriremos isso ao longo de Breaking Bad), ele emigra então para os Estados Unidos e se estabelece na cidade de Albuquerque, no Novo México.
                 Quando aparece na série, os Pollos Hermanos se tornaram uma rede de fast food, e Gus também é dono de uma rede de lavanderias. Ele usa os dois negócios para produção e distribuição da droga pelos Estados Unidos. Ele tem um acordo quanto a distribuição de drogas com o cartel mexicano. Para encobrir sua vida criminosa, ele trabalha em seus restaurantes e faz generosas doações para o DEA, departamento de combate as drogas americano!
                 Intencionalmente, pouco se fala sobre a verdadeira origem de Gus. Quando investigado, não se localizam registros dele no Chile, e algumas insinuações são feitas por membros do cartel, como se ele tivesse sido uma grande figura na ditadura de seu país natal. Para quem vê, ele é um homem extremamente educado e solicito, um verdadeiro cavalheiro, mas quando se mostra o outro lado da moeda, é um homem bem diferente.
                   Gus é na verdade um homem frio e calculista, que não aceita erros, e no menor deslize com ele você pode literalmente perder a cabeça. Não admite que problemas pessoais dos outros interfiram em seus negócios, porém nutre um ódio desenfreado por Hector Salamanca, primeiramente porque este assassinou seu amigo. Mas em Better Call Saul, é mostrado que isso é só a ponta do iceberg, e que a rixa entre os dois tem muito mais motivos....
                  Nas duas séries, ninguém é totalmente inocente, elas são com certeza uma crítica ao ser humano e suas inúmeras falhas, antes de tratar sobre os crimes. Mas nesse universo, Gus conseguiu se destacar com louvor, como um dos personagens mais cruéis. É bem aquela história "quem vê cara, não vê coração". Neste caso um coração bem sombrio, carregado de pecados....

Nenhum comentário:

Postar um comentário